Hoax: O segredo da Cebola


Este Hoax faz sucesso nas redes sociais a vários anos, no momento continua sendo compartilhado no Facebook.


 Texto na íntegra:


    Taí uma coisa que nós fazemos e é tão perigosa! CEBOLAS! Eu nunca tinha ouvido essa! Em 1919, quando a gripe matou 40 milhões de pessoas havia um doutor que visitou muitos agricultores para ver se ele poderia ajudá-los a combater a gripe, pois que muitos deles que haviam contraído a doença haviam morrido. Em uma visita na propriedade de outro fazendeiro, na mesma região, a médico surpreendeu-se em saber do bom estado de saúde que lá encontrou. Todos estavam muito saudáveis. Quando o médico perguntou ao fazendeiro o que eles estavam fazendo para se protegerem da gripe, a mulher deste prontamente respondeu que ela colocava uma cebola cortada (com casca) em pratos e distribuia-os nos quartos da casa. O Médico não podia acreditar no que ouviu. Pediu ao fazendeiro para lhe entregar uma das cebolas que estava usando e pôs sob seu microscópio, quando então observou enorme números de bactérias da gripe ali acumulados. Levado a um pneumologista, este explicou que as cebolas são um ímã enorme para as bactérias, especialmente as cebolas cruas. Em suma, nunca mantenha cebolas fatiadas para serem usadas no dia seguinte, mesmo que colocadas em sacos fechados, herméticos ou na geladeira. Seu consumo deve ser imediato, vez que pode ser um perigo consumí-las a posteriori. Além disso, os cães nunca devem comer cebolas. Seus estômagos não pode metabolizar cebolas. Lembre-se: é perigoso cortar uma cebola e consumí-la no dia seguinte. A cebola se torna altamente venenosa, mesmo depois de uma noite única, e cria bactérias tóxicas. Estas bactérias podem causar infecções do estômago adversos por causa de secreções biliares em excesso e intoxicação alimentar. Repasse esta mensagem a todos os que você ama e se preocupa!

Principais características:


  • Tom Alarmista(risco de morte, caso não siga os procedimentos do texto);
  • Exige que repassem o Hoax, através da seguinte parte "Repasse esta mensagem a todos que você ama e se preocupa"(a velha e ainda muito comum "corrente", o desocupado autor desta baboseira quer que ela se espalhe);
  • Redação informal e mal elaborada(mesmo que em certos momentos tente expressar a utilização de linguagem culta);
  • Uso de argumento de autoridade(um determinado doutor teria feito estas observações e de antiguidade(a não utilização dos procedimentos do texto teria causado uma gripe em 1919);


Considerações:


  • Realmente em 1918-1919 cerca de 40 milhões de pessoas morreram vítimas da chamada "Gripe Espanhola":
  •  As estimativas do número de mortos em todo o mundo durante a pandemia de gripe em 1918-1919 variam entre 20 e 40 milhões. Para você ter uma ideia nem os combates da primeira Grande Guerra Mundial mataram tanto. Cerca de 9 milhões e 200 mil pessoas morreram nos campos de batalha da Primeira Grande Guerra (1914-1918). Fonte: Fiocruz
  •  Até hoje não se sabe exatamente o que causou a Gripe Espanhola, os estudos mais recentes dizem:
Ainda hoje restam dúvidas sobre onde surgiu e o que fez da gripe de 1918 uma doença tão terrível. Estudos realizados entre as décadas de 1970 e 1990 sugerem que uma nova cepa de vírus influenza surgiu em 1916 e que, por meio de mutações graduais e sucessivas, assumiu sua forma mortal em 1918. Fonte: Fiocruz
  •  A gripe é causada por vírus(Fontes: Ministério da Saúde e Dr. Drauzio Varella), e nunca por bactérias como o texto afirma o que tira imediatamente a credibilidade do texto;
  • O autor, nem o suposto médico, o pneumologista e nem o suposto fazendeiro tem seus nomes citados. Todo resultado de pesquisa deveria identificar sempre pelo menos os autores e cientistas/médicos envolvidos!
  • A cebola faz bem a saúde, conforme podemos conferir na seguinte afirmação da Embrapa:

    Apesar de sua pequena importância nutricional como fonte de vitaminas e sais minerais, apresenta propriedades terapêuticas comprovadas, como a proteção contra algumas infecções do aparelho digestivo,

  •  Realmente a cebola necessita de cuidados em sua conservação, para aumentar a durabilidade dela:

    A cebola conserva-se por tempo prolongado, 3 a 5 semanas, sem necessidade de refrigeração. Mantenha os bulbos em local seco, fresco, escuro e bem ventilado. As cebolas de sabor mais suave, ou seja menos picante, apresentam menor durabilidade, enquanto as cebolas mais picantes, conservam-se por maior período. As cebolas roxas em geral se conservam por maior tempo do que as cebolas brancas e amarelas.A cebola picada ou ralada deve ser mantida em geladeira, envolvida por filme plástico ou em vasilha de plástico tampada, por até um dia. A vasilha a ser usada deve ter o tamanho certo para a quantidade a ser conservada; quando se utilizar filme de plástico, este deve ficar bem aderido à cebola picada.Para congelar a cebola, pique-a ou corte-a em rodelas, coloque as porções sobre uma travessa ou vasilha aberta e leve ao congelador. Quando as porções estiverem congeladas, acondicione-as em recipiente de plástico rígido ou em saco de plástico do qual se retira a maior quantidade possível de ar. Nesta condição a cebola pode ser conservada por até 6 meses.Outra maneira de conservar a cebola consiste em triturá-la, transformando-a em pasta e adicionando sal e alho para aumentar a sua durabilidade. Deve-se manter 1 parte de alho para 3 partes de cebola para 10 partes de sal. Esta pasta pode ser mantida em condição ambiente por até 25 dias. Fonte: Embrapa.

Conclusão:

O texto é falso, a gripe não é causada por bactérias e não existe nenhuma comprovação científica que relacione o consumo ou não de cebolas com esta doença.

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.